Lote Urbano
Camiseta Manga Longa
VEJA
TODOS
OS ANÚNCIOS
Governo do Estado anuncia investimento de quase R$ 250 milhões na saúde do Rio Grande do Sul
13 setembro 2021 - 15h50
Visualizações: 75

A semana começou com boas notícias para a saúde pública do Rio Grande do Sul. Em evento no Palácio Piratini na manhã desta segunda-feira (13), o governador Eduardo Leite anunciou o investimento de R$ 249,7 milhões para a área no Estado até o final do ano que vem. Conforme o governador, este será o maior investimento na saúde gaúcha dos últimos 20 anos.

Os recursos fazem parte do programa Avançar na Saúde, que é um dos braços do projeto mais amplo, denominado Avançar: ações e investimentos do governo gaúcho. Em junho, o Piratini já lançou o Avançar no Crescimento, com o Plano de Obras, que prevê investimento de R$ 1,29 bilhão, e o Plano de Concessão de Rodovias, que pretende conceder 1.131 quilômetro de estradas, com investimentos de R$ 10,6 bilhões em 30 anos.

Conforme o governador, os recursos a serem aplicados foram possíveis em razão de reformas na gestão realizadas pelo governo e do programa de privatizações, que contou com a desestatização da CEEE e da Corsan. “Conseguimos com um amplo programa de reformas, ter nossa despesa suportada pela nossa receita corrente, e as privatizações geram receitas extraordinárias que viram investimentos. Por isso criamos o Avançar. Vamos anunciar em breve o Avançar da Educação e o Avançar da Segurança”, disse Leite, antecipando as novas áreas a serem contempladas pela iniciativa.

Ainda no evento, o governador anunciou que, até p fim do governo, o Estado irá quitar todas as dívidas com os municípios. “Tínhamos um primeiro desafio, que era regularizar pagamentos. Assumimos com os hospitais com três meses de atrasos e os municípios com seis meses de atrasos em todos os programas que o Estado é cofinanciador. Se acumulava R$ 1,1 bilhão em dívidas da saúde. Pois não deixamos mais atrasar esses pagamentos e estamos recuperando a dívida deixada. Já baixamos essa dívida para cerca de R$ 500 milhões e vamos quitar todas neste governo”, garantiu Leite.

O Avançar na Saúde está dividido em quatro pilares:

*Rede Bem Cuidar RS: implementação, reformas e ampliações de Unidades Básicas de Saúde (UBSs)
*Farmácia Cuidar +: estruturação, implementação do Cuidado Farmacêutico e Identificação Visual
*Infraestrutura da SES-RS: equipamentos de informática e renovação da frota de veículos da Secretaria Estadual da Saúde
*Rede Hospitalar: obras, reformas e aquisições de equipamentos

Entre os valores para a saúde anunciados nesta segunda-feira, a maior quantia será destinada para a qualificação de estruturas hospitalares, que irão receber R$ 177,5 milhões. Ao todo, 20 hospitais gaúchos irão receber recursos para apoio financeiro com vistas a execução de obras e aquisição de equipamentos e para a ampliação da oferta de serviços, melhorando o atendimento em regiões estratégicas do Estado (confira abaixo a lista de hospitais e quanto cada um deles irá receber).

As farmácias estaduais também irão receber investimentos na casa dos R$ 21 milhões, estruturados em três eixos: Estrutura (R$ 11,5 milhões), Cuidado (R$ 7 milhões) e Identificação Visual (R$ 2,5 milhões).

Já a Secretaria Estadual da Saúde (SES-RS) irá contar com a aplicação de R$ 19,8 milhões em sua estrutura, sendo R$ 10 milhões em equipamentos de informática e R$ 9,8 milhões para a renovação da frota de veículos (50 carros, 25 caminhonetes e quatro caminhões refrigerados).

As Unidades Básicas de Saúde, por sua vez, irão contar com o total de R$ 31,4 milhões, divididos em três áreas:

-R$ 6 milhões para a reforma de 30 UBSs
-R$ 10,5 milhões para reforma e ampliação de 30 UBSs
-R$ 14,9 milhões para implantação da Rede Bem Cuidar RS nos 497 municípios

O edital para a apresentação de projetos de ampliação e reforma de UBSs já está disponível para os prefeitos no site da SES-RS. Os projetos podem ser enviados até o dia 13 de outubro, e o programa destinará R$ 200 mil para cada um dos 30 projetos de reforma, e R$ 350 mil para cada um dos outros 30 projetos de ampliação.

Confira os 20 hospitais que receberão recursos pelo Avançar na Saúde:

Hospital Regional de Santa Maria – R$ 8,82 milhões
*Obra e equipamentos para a instalação da Unidade de Cardiologia de Alta Complexidade e UTI, com implantação de serviços de Hemodinâmica, UTI Cardiológica e Vascular e UTI geral

Santa Casa de Alegrete – R$ 1,45 milhão
*Aquisição de equipamentos para o novo bloco cirúrgico, que contará com sete salas de cirurgia e irá resultar na ampliação de 1.000 cirurgias/ano

Hospital Beneficente Dr. César Santos (Passo Fundo) – R$ 9,1 milhões
*Apoio Financeiro para Reforma e Ampliação, com obras e equipamentos na Unidade de Emergência, na adequação do Centro Cirúrgico, no Hospital da Criança, no Centro de Diagnóstico e na ampliação de 35 para 54 leitos

Hospital de Clínicas de Passo Fundo – R$ 5,8 milhões
*Reforma, ampliação e qualificação nas áreas de Emergência, Hemodiálise, Obstetrícia e Pediatria; Ampliação de 25% no atendimento e Unidade de Emergência ampliada de 600m² para 2.100m² (3,5 vezes maior que a atual)

Hospital beneficente São João (Sananduva) – R$ 1,3 milhão
*Implantação de unidade com 10 leitos de UTI adulto; ampliação da oferta de procedimentos cirúrgicos de maior complexidade; e ampliação de 700 cirurgias/ano em traumatologia e urologia

Hospital Santa Terezinha (Erechim) – R$ 3,5 milhões
*Reformar e equipar a UTI adulto, pediátrica e neonatal; Ampliação de 1.400 cirurgias ano em oftalmologia, ginecologia, otorrinolaringologia e vascular; e ampliação de 2.900 atendimentos ano

Hospital São Vicente de Paulo (Passo Fundo) – R$ 1,3 milhão
*Implantação de nova unidade de internação hospitalar para tratamento pediátrico (crianças e adolescentes) em oncologia; e 10 novos leitos para tratamento oncopediátrico

Hospital de Pronto-Socorro de Pelotas – R$ 55 milhões
*Construção do hospital de pronto-socorro, com atendimento de urgência e emergência, com capacidade para 100 novos leitos instalados

Hospital Santa Cruz (Santa Cruz do Sul) – R$ 652 mil
*Aquisição de equipamento para implementação de 10 novos leitos de UTI adulto; e aumento de número de leitos efetivos com a redução da demanda reprimida

Hospital São Sebastião Mártir (Venâncio Aires) – R$ 3 milhões
*Ampliação dos serviços com a implantação de UTI Pediátrica com 10 leitos

Hospital Bruno Born (Lajeado) – R$ 3,3 milhões
*Implementação de UTI Pediátrica com 10 leitos

Hospital Santo Ângelo (Anto Ângelo) – R$ 1,2 milhão
*Qualificação e reforma da área de serviços de diagnóstico oncológico que atualmente realiza 57.400 exames, com incremento de 2.800 novos exames e procedimentos ano

Hospital Tramandaí (Tramandaí) – R$ 11,1 milhões
*Unidade de endoscopia; reforma da UTI adulto; ampliação da emergência; Central de material esterilizado (CME); adequação do acesso de ambulâncias; Aumento de 12 leitos de internação; realocação de estrutura do morgue; qualificação das instalações elétricas

Complexo de Saúde de Taquara – R$ 2,4 milhões
*Novo serviço de pronto atendimento 12 horas, urgência e emergência (SAMU), apoio diagnóstico e terapêutico; implantação de novas equipes da Estratégia de Saúde da Família

Hospital Municipal de Novo Hamburgo - R$ 2,6 milhões
*Reforma do telhado e conclusão de quatro salas do bloco cirúrgico, com a ampliação de 1.000 cirurgias ao ano

Hospital São Francisco de Assis (Parobé) – R$ 4 milhões
*Abertura de 65 novos leitos para internação clínica; reforma de dois pavimentos e aquisição de equipamentos; ampliação de 700 cirurgias ano

Complexo de Saúde de Taquara – R$ 2,4 milhões
*Novo serviço de pronto atendimento 12 horas, urgência e emergência (SAMU), apoio diagnóstico e terapêutico; implantação de novas equipes da Estratégia de Saúde da Família

Hospital Municipal de Novo Hamburgo - R$ 2,6 milhões
*Reforma do telhado e conclusão de quatro salas do bloco cirúrgico, com a ampliação de 1.000 cirurgias ao ano

Hospital São Francisco de Assis (Parobé) – R$ 4 milhões
*Abertura de 65 novos leitos para internação clínica; reforma de dois pavimentos e aquisição de equipamentos; ampliação de 700 cirurgias ano

Hospital Nora Teixeira (Porto Alegre) – R$ 14,96 milhões
*Construção e equipamentos para a nova emergência SUS, com 28 leitos de emergência

Hospital de Caridade de São Jerônimo – R$ 8 milhões
*Conclusão da obra do Hospital, com oferta de 150 leitos SUS, centro cirúrgico e centro obstétrico e Central de material esterilizado (CME) ; 6 novos ambulatórios de especialidades; 11.770 novas internações/ano; 1.800 novas cirurgias/ano; 2.800 novos atendimentos clínicos

Instituto de Cardiologia (Porto Alegre) – R$ 25,07 milhões
*Construção de novo prédio para a unidade de hemodinâmica; ampliação do cuidado pós- cirúrgico, com criação de nova sala de exames e 37 boxes de recuperação

Hospital Geral de Caxias do Sul – R$ 15 milhões
*Apoio financeiro para a ampliação de 237 para 355 leitos clínicos e de UTI adulto, pediátrica e neonatal.


Fonte: Jornal do Comércio

veja também
Jovem é encontrada sem vida em Tapejara
Motociclista fica ferido após bater em caminhão na ERS 463 em Tapejara
publicidade